Dicas para você construir sua marca pessoal no LinkedIn


O sociólogo americano Mark Granovetter, criador do conceito de laços sociais, defende o em seu artigo “The Stenght of Weak Ties” que os laços sociais são classificados em fortes e fracos. Para ele, laços fortes são aqueles que se caracterizam pela intimidade, enquanto os fracos caracterizam-se por relações esparsas, caracterizadas pela não proximidade.

Para conhecermos nossos laços fortes e fracos devemos monitorar nossas mídias sociais.

Uma das melhores é o LinkedIn, que oferece aos seus usuários a possibilidade de mapear sua rede de contatos. Construa sua marca pessoal no LinkedIn.

Esse canal pode ser uma vantagem competitiva para sua carreira. Você pode se conectar a mais de 43.000 mil profissionais em mais de 200 países ao redor do mundo.

É possível entrar em contato com qualquer profissional da rede. Porém, as pessoas em todos os graus de separação irão participar desse núcleo de contatos. Ou seja, se for necessário entrar em contato com alguém da minha rede, terei que fazê-lo via os demais profissionais que me separam do meu contato final (Teoria dos 6 Graus de Separação).

As pessoas percebem a importância de uma boa reputação profissional. O LinkedIn é a rede social na qual os usuários mais se preocupam com o seu capital social.

A maioria dos usuários é dos Estados Unidos, mas ela está se tornando cada vez mais popular na América Latina, especialmente entre gerentes e executivos de empresas. Muitos usuários encontram melhores empregos depois de entrar para essa rede. A ferramenta pode ser usada para manter o currículo online; é uma maneira de criar a sua marca pessoal.

Como no Twitter, o Linkedin possui um botão para “seguir” empresas. Tal ferramenta possibilita acompanhar a atividade das empresas na rede através de alertas em tempo real sobre atualizações em seus perfis. O objetivo é manter os usuários mais próximos de informações sobre oportunidades de negócio e emprego, mudanças organizacionais, lançamentos de produtos.

Sua conta Linkedln pode incluir posts recentes de seu blog, bem como as apresentações que você carregou no SlideShare.

Outras dicas importantes são:

•  Personalize a sua URL. Informações do seu perfil podem ser indexadas pelos motores de busca. Perfis do LinkedIn têm posições altas no Google. Em vez de usar a URL padrão, personalize o seu com o nome de sua empresa. Se você for uma pequena empresa que não é bem conhecida, considere o uso de uma palavra-chave grande.

•  Inclua uma foto. Uma imagem ajuda você a recordar das pessoas quando houve um encontro pessoal. Perfis com fotos são mais prováveis de serem contatados.

•  Certifique-se que a sua entrada não contém erros de ortografia ou outros erros.
•  Use “status de visibilidade”, versão interna do LinkedIn Twitter para manter suas conexões atuais sobre o que é importante para você hoje. Baseado no que você está fazendo, eles podem chegar para ajudá-lo.

•  Use o resumo para mostrar que você está qualificado para fazer o que você quer fazer, use “experiência” área de apoio ao sumário.

•  Toque na área de “Especialidades” para digitar as palavras-chave associadas com as pessoas que você deseja atrair. Essas são iscas, e você quer que os membros do LinkedIn procurem por essas palavras-chave para encontrá-lo.
•  Dê ao seu perfil maior visibilidade. Use a sua URL personalizada LinkedIn quando você deixar comentários sobre negócios ou em blogs específicos.

•  Utilize técnicas de SMO ( Social Media Optimization) e otimize seu perfil. Use as palavras-chave da sua marca pessoal!

O LinkedIn baseia-se no networking, cujo conceito é: uma rede de relacionamento que você constrói em sua área de atuação. Qualquer profissional de determinada área de atividades pode montar uma rede de contatos e relacionamentos.

Estatísticas mostram que cerca de 50% a 70% das pessoas têm seu último emprego graças a indicações de contatos de seu network pessoal.

Ter um bom networking, com os contatos certos, é trabalho que se faz não da noite para o dia; é uma atividade que se faz no dia-a-dia.

autor: André Telles
fonte: http://idgnow.uol.com.br

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Termos de uso

Queremos que todos usem livremente o conteúdo do Designsal. Por isso, todo o conteúdo aqui divulgado pode ser copiado, desde que: A autoria seja creditada como “Designsal” Haja um link clicável apontando para o original Não seja feito “hotlink” (linkar diretamente a imagem de nosso servidor) O material seja disponibilizado gratuitamente, sem fins comerciais ou sem obtenção de nenhum lucro. (Por falar nisso, me inspirei no Design Blog para escrever estes termos.) Obrigado! ...
PageRank
%d bloggers like this: